Espólio Sarrafeiro
2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


Sarrafeir@s
Facebook
Share
Network Blogs
<
Related Posts Plugin for Blogs.
Domingo, 20 de Junho de 2010

 

Cavaco, através de Marcelo Rebelo de Sousa, mandou o recado: estará presente em espírito nas cerimónias fúnebres de Saramago mas nem vai lá pôr os pés.

 

De imediato as críticas e os apoios se fizeram ouvir, um pouco por todo o lado mas a mim parece-me que o verdadeiro génio destas afirmações se está a perder no ruído.

 

Cavaco não dá ponta sem nó, todos o sabemos, e é por isso que estou certo que Cavaco com este gesto nos está a apontar para a salvação da economia do país.

 

Já imaginaram quanto se poderia poupar, só em despesas de viagem/alojamento e representação, se a partir de amanhã todos os governantes, deputados, funcionários públicos e privados adoptassem esta medida, que também faria com que o país reduzisse a sua pegada de carbono de forma considerável? Uma fortuna!

 

Cimeiras Europeias? José Sócrates estará lá em espírito. Viagem do Ministro da Defesa à Líbia? Tudo em espírito e ainda se poupa em vacinas. Viagens a congressos? Tudo em espírito que se poupa um dinheirão e não se apanham monumentais secas.

 

Cavaco, com o génio a que nos habituou, tenta dar-nos de mão beijada a solução para saír da crise e nós nem sequer percebemos a enorme dádiva que estamos a receber do nosso Presidente.

 

No entanto nem tudo está perdido: com as Presidenciais aí ao virar da esquina, tenho a certeza que Cavaco nos irá fazer novas demonstrações deste método revolucionário ao estar "presente em espírito" nos comícios e acções de campanha, directamente do seu sofá na Travessa do Possolo.

 

 

 

 



Uma Sarrafada de: FF às 13:24
Link | Concentre-se a comentar

3 comentários:

Não dou a cara mas gosto de comentar @ 14:21

20/6/10

Pois... isso é engraçado cortar nas despesas do Estado reduzindo-se as viagens do staff estatal ao estrangeiro, mas... num mundo globalizado como o nosso, qual é a nação que sobrevive sem se dar a conhecer ao exterior !?

FF @ 14:58

20/6/10

Bem vind@ de novo,
Quando um vulcão na Islândia decidiu começar a vomitar cinzas e estragar uma série de planos de viagem não foi por isso que uma reunião extraordinária da comissão europeia não foi realizada. Usaram, para isso, aquela tecnologia de ponta chamada vídeo conferência, algo de inovador para uma certa classe política mas que aqui no meu computador já existe há uns anos: chama-se skype.

Reduzir as despesas reduzindo-se as viagens ao estrangeiro seria uma medida inteligente. Apostar em tecnologia e software livre para implementar canais de comunicação não presenciais seria outra medida inteligente. Reconheço que pedir a implementação destas medidas aos políticos deste país é pedir muito, mas eu sou um optimista por natureza.

Não dou a cara mas gosto de comentar @ 17:04

20/6/10

Sim, a video-conferência é sempre uma alternativa económica à presença física, como nesse caso originado pelo vulcão islandês. Agora, a questão é conseguir que isso se tornasse um "de facto" entre os nossos representantes políticos.
Se o Cavaco tivesse dado a sua declaração por "vídeo-conferência" teria conseguido amenizar a desilusão que muita gente sentiu pela sua ausência.

Comentar post

Sarrafadas Frescas

Muda de troika se não est...

Liga Europa: Uma fé inaba...

Liga Europa: Obrigado pel...

Dear Europe

Há crise???...

Liga Europa: O pesadelo d...

Oiçam bem esta voz!

|| Eu a falar sozinho

Liga Europa: Arigato nucl...

Não usem o direito a tort...

Comentários Fresquinhos
  • Fazer asneiras e ser bem sucedido e bem pago pelos...
  • Não é reteu, é reteve
  • o tunning é uma arte quando bem feito , tudo tem o...
  • O que esconde o Estado Português sobre o naufrágio...
  • Saiba mais sobre o misterioso naufrágio do navio B...
  • subscrever feeds